Header Ads

Brasil

Uma boa herança ao público

Hoje, prestei atenção que esta é a terceira vez, neste mês, que falo de música aqui no blog, mas por virtude dos acontecimentos, Amy Winehouse também é assunto aqui no Café, papo e fato.
Voltando ao topo das paradas de sucesso, Amy Winehouse, hoje está como recordista nas vendas de disco desses últimos tempos. A cantora britânica é só mais uma que faz mais sucesso depois da morte.
Encontrada morta em casa, aos 27 anos, Amy já teria entrado, mesmo antes de sua morte, para a lista das melhores cantoras da década.  Antes de ser encontrada morta, nesse último sábado, Amy explodiu no mundo da música, talvez por cantar bem e ter pouca idade, mas assim muitas outras pessoas existem e não fazem sucesso; a questão é que você ter menos de 30 anos , gravar somente dois discos, com suas próprias composições, ter um estilo próprio e uma voz surpreendente; todos esses requisitos a menina de Londres possuía.
Nesta semana, as prateleiras com os discos se esvaziaram, junto com o livro biográfico da cantora. Mais uma para o clube dos 27, que por usarem drogas ou não, nos deixaram somente boa música. E a prova que a música de Amy era boa de verdade são os destaques na mídia de todo o mundo.

Nenhum comentário

slider

Tecnologia do Blogger.